O fascínio do dever para os cristãos: estudos em Gálatas e na História da Igreja

Avaliado como 4.50 de 5, com baseado em 2 avaliações de clientes
(2 avaliações de clientes)

R$27,70

Autor: Karl Kepler

Por que, apesar do ensino do Novo Testamento, grande parte da Igreja continua até hoje pautando a vida dos cristãos sobre a observância de deveres e leis?

Em busca de uma resposta, o autor estuda brevemente o lugar da moral do dever no Cristianismo ao longo da história. Depois é focado o ensino bíblico a respeito, na criação, em Jesus e especialmente na epístola de Paulo aos Gálatas, de onde são extraídos convites para a igreja atual se libertar desse fascínio.

Em estoque

REF: LGR005 Categoria Tags: ,

Descrição

Este livro quer nos mostrar, gentilmente, como temos seguido por um caminho impróprio enquanto fascinados por um dever cuja realização é colocada sobre nós próprios, de forma a nos perpetuar numa condição de imaturidade que nos torna presas fáceis de militâncias e fundamentalismos de todas as cores. Quer nos dar sugestões, enfim, de como podemos seguir caminhos mais próprios, que dignificam tanto a nós como o Deus revelado pela Bíblia.

No texto de Gálatas que o autor nos convida a escutar, liberdade é graça e doação divina. É a realização do Espírito de Deus em nosso espírito. Espírito de amor, que nos mostra como a mudança de caminhos pode ser vivenciada, nos livrando dos fardos do dever e nos introduzindo à vivência do amor e da liberdade que ele traz.

Do prefácio de Enio Mueller

Para saber mais:

Leia as primeiras páginas – (ISSUU)

Informação adicional

Peso 0.201 kg
Dimensões 21 x 14 x 1 cm
Editora

Grafar

Autor

Karl Kepler

ISBN

978-85-63723-05-5

Edição

1 / 2014

Páginas

98

Dimensões (cm)

14 x 21

Acabamento

Brochura

2 avaliações para O fascínio do dever para os cristãos: estudos em Gálatas e na História da Igreja

  1. Avaliação 5 de 5

    Romildo R. Ramlow

    Excelente livro. Trata-se de uma obra magistral sobre Gálatas e a Igreja. Sobre Gálatas o leitor poderá encontrar as chaves que poderão libertá-lo da prisão das leis e regras institucionais. Da Igreja você será levado a repensar o seu lugar no Corpo de Cristo e especialmente como viver em meios a pecadores sem precisar se preocupar com a performance, pois vida cristã não consiste primeiramente naquilo que você faz, mas, naquilo que Cristo fez e pode/quer fazer com você.
    Experimente uma mudança da mente. Leia “O fascínio do dever para os cristãos”. Você ficará ‘fascinado’ desde as primeiras páginas…

  2. Avaliação 4 de 5

    Ernani Hudler

    O livro leva o leitor a refletir na interpretação hegemônica das Igrejas de buscar a salvação por obras e condutas. A perspectiva do dever cristão torna-se facilmente sectarismo e aprisiona o ser humano. A vida zelosa é consequência da aceitação da salvação por graça de Deus e não sua motivação.

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *